A Economia de Porto Rico

Um território não incorporado dos Estados Unidos, Porto Rico opera sob os sistemas legais, monetários, de segurança e tarifários dos EUA. Apesar de compartilhar essas e outras instituições importantes dos EUA, Porto Rico experimentou estagnação econômica e desemprego em grande escala desde a década de 1970. Os padrões de vida da ilha são baixos para os padrões dos EUA, com uma renda per capita de apenas metade da do Mississippi, o estado mais pobre. Embora muitos estudos tenham analisado as implicações fiscais da relação política de Porto Rico com os Estados Unidos, poucas pesquisas se concentraram amplamente na experiência econômica da ilha ou avaliaram suas perspectivas de crescimento. Neste livro inovador, economistas de instituições norte-americanas e porto-riquenhas abordam uma série de questões políticas importantes que afetam o desenvolvimento econômico da ilha. Para enquadrar a situação atual, os colaboradores começam avaliando a experiência anterior de Porto Rico com várias políticas de crescimento. Em seguida, analisam várias reformas e novas iniciativas em matéria de trabalho, educação, empreendedorismo, política fiscal, migração, comércio e financiamento do desenvolvimento, que incorporam a uma estratégia proposta para impulsionar o crescimento econômico porto-riquenho. Colaboradores incluem Gary Burtless (Brookings Institution); Orlando Sotomayor, Luis Rivera-Batiz, Ramón Cao, Maria Enchautegui, José Joaquín Villamil, Eileen Segarra, Marinés Aponte e Juan Lara (Universidade de Porto Rico); Richard Freeman e Robert Lawrence (Universidade de Harvard); Helen Ladd (Duke University); Francisco Rivera-Batiz (Universidade de Columbia); Steven Davis e Bruce Meyer (Universidade de Chicago); James Alm (Georgia State University); Ingo Walter, Rita Maldonado-Bear e William Baumol (New York University); Belinda Reyes (Universidade da Califórnia, Merced); Alan Krueger (Universidade de Princeton); Carlos Santiago (Universidade de Wisconsin); David Audretsch (Universidade de Indiana); Ronald Fisher (Michigan State University); Fuat Andic (Conselheiro da ONU); Arturo Estrella (Reserva Federal de NY); James Hanson e Daniel Lederman (Banco Mundial); James Dietz (Universidade da Califórnia, Fullerton); e Katherine Terrell (Universidade de Michigan).

Detalhes do livro

  • 607 páginas
  • Brookings Institution Press, 22 de junho de 2006
  • Brochura ISBN: 9780815715535
  • ISBN de capa dura: 9780815715542
  • Ebook ISBN: 9780815715603

Sobre os Editores

Susan M. Collins

A pesquisa de Susan M. Collins centra-se nos determinantes do crescimento econômico, questões levantadas pelo aumento da integração econômica transnacional e regimes de taxas de câmbio em economias desenvolvidas e em desenvolvimento. Seu trabalho atual explora experiências de crescimento na China e na Índia. Ela é Joan e Sanford Weill Reitora da Escola de Políticas Públicas Gerald R. Ford da Universidade de Michigan.

Veja a biografia completa

Barry P. Bosworth

Ex-conselheiro presidencial, Barry Bosworth é pesquisador sênior em Estudos Econômicos e sua pesquisa concentra-se em política fiscal e monetária, crescimento econômico, formação de capital e Previdência Social. Seus projetos recentes incluem estudos do comportamento de poupança dos EUA, implicações do envelhecimento da população e crescimento econômico na China e na Índia.



Veja a biografia completa

Miguel A. Soto-Class

Miguel A. Soto-Class é o diretor executivo do Center for the New Economy, um centro de estudos baseado em Porto Rico com foco em questões de desenvolvimento econômico.
  • Instituições financeiras
  • Desenvolvimento Global
  • Economia global
  • América Latina e Caribe
  • Problemas sociais
  • Política e governo dos EUA